Empreender é doce, mas não é mole não!

Há quem pense que o empreendedorismo é um mar de flores. Porém, nós que estamos nesse meio sabemos que a realidade é bem diferente. Afinal, todos os processos e burocracias que envolvem um empreendedor são desgastantes o suficiente comparado à um mar de flores.


Emanuele Toledo - Publicado em: 07/12/2020



post img



Não é fácil renunciar coisas importantes em prol dos seus negócios, não é fácil passar noites sem dormir pensando em como resolver problemas na sua gestão, não é fácil tomar decisões importantes. Empreender é lindo para quem vê de fora! Na prática, gerir uma empresa envolve muito mais burocracia do que parece.

Não podemos dizer que não há também as suas vantagens. Empreender é bom, você vive experiências que nunca imaginou, vê o mundo sob outras perspectivas e valoriza situações que lhe servem de aprendizado. Mas ainda assim, a melhor parte é ver o propósito da sua empresa se solidificando e agregando valor para outras pessoas, e até mesmo empresas.

Essa sem dúvidas é a parte “doce” do empreendedorismo. No entanto, como “empreender é doce, mas não é mole”, ser empreendedor exige muito esforço e mão na massa. Não se engane pensando que o empreendedor é aquele que veste terno e gravata e tem a vida resolvida, pois a realidade é correria na certa!

Uma coisa é certa: é duro, é árduo, é desgastante, mas também é extremamente gratificante! Gratificante ver o quanto o seu esforço e dedicação no fim das contas valem a pena!

Eu sei que você compartilha desse mesmo sentimento comigo, afinal, empreender é doce, mas não é mole não! Portanto, se você precisa de uma mãozinha para otimizar os seus processos e tornar a sua gestão melhor, nós podemos te ajudar!

Clique aqui e agende uma consultoria gratuita com a gente para iniciar 2021 com o pé direito!

Leia também: