Se você é dono, a responsabilidade é sua!

Não, você não leu errado! Se você é empresário essa frase se aplica ainda melhor no que eu quero dizer.


Emanuele Toledo - Publicado em: 13/10/2020



post img



Tenho certeza de que muitas vezes você já deve ter reclamado sobre o baixo desempenho que a sua equipe vem apresentando.

Mas, a verdade é que a sua equipe só está lá porque você permitiu e o desempenho está atrelado à sua gestão!

É injusto dizer que o seu time está com um baixo desempenho se você não os estimula a tomarem uma atitude diferente em relação à organização.

O sonho de todo empresário sem dúvidas, é ter profissionais em sua equipe que tenham um sentimento de pertencimento e que efetivamente vistam a camisa da empresa.

Porém, para que esse sentimento se torne espontâneo é importante que você, junto à gestão de pessoas, implemente estratégias voltadas para despertar esse sentimento em seus liderados.

 

Para que os seus esforços sejam multiplicados, é primordial originar uma cultura de pertencimento como “dono” da empresa, ou senso de ownership.

Esse conceito fala sobre a atitude de dono por parte dos profissionais da organização. Funcionários com essa mentalidade possuem um sentimento de propriedade sobre o negócio independente do nível hierárquico ou de responsabilidade.

 

Lembre-se de que esse conceito tem a ver com atitude emocional, o funcionário se comporta como se a empresa também fosse dele, o que não significa que ele ganhe alguma cota da organização por esse motivo.

 

Agora que estamos voltando à normalidade, você não pode perder mais tempo em contratações erradas. Eu sei que na pressa e urgência, acabamos optando pelo menos pior, mas não há tempo para erros em seleção de pessoas, logo, você precisa contar com pessoas especializadas no assunto que resolvam o seu problema e nós podemos te ajudar a contratar o melhor para o seu time! Clique aqui e pare de contratar o menos pior!

 

No entanto, além de não ter mais tempo para errar na contratação, é necessário se tornar ainda mais forte do que começou, resistir sob as pressões do cotidiano e se fortalecer a cada dia, afinal, como costumamos dizer por aqui: toda dificuldade te fortalece! Essa prática faz referência ao conceito de antifragilidade, que é exatamente o que precisamos nos tornar nesse momento: antifrágil! Para isso, é primordial passar por cada um desses processos, para ao fim da guerra você perceber que se tornou mais forte apesar das dificuldades.

 

Eu imagino que você tenha muitos profissionais em seu time que talvez não estejam alinhados a essa cultura do jeito que você gostaria, mas para descobrir o principal problema da sua gestão é necessário solucionar! E para isso, nós estamos te oferecendo um Diagnóstico Organizacional + 2 horas de consultoria gratuitamente!